Na prova do Enem 2011, tente resolver esta questão sobre a forma como as muralhas e fortificações nos castelos feudais foram modificando sua função à medida que o medievo chegava ao fim. A resolução está logo abaixo da questão, com comentários e habilidades cobradas na prova.

Muralhas e fortificações de uma cidade

Para ter mais informações sobre este exame nacional, fique atualizado nas notícias sobre o Enem.

Questão

Questão 36

Se a mania de fechar, verdadeiro habitus da  mentalidade medieval nascido talvez de um profundo sentimento de insegurança, estava difundida no mundo rural, estava do mesmo modo no meio urbano, pois que uma das características da cidade era de ser limitada por portas e por uma muralha.
DUBY, G. et al. “Séculos XIV-XV” in: ARIES, P: DUBY, G. História da vida privada da Europa Feudal à Renascença.
São Paulo: Cia. das Letras, 1990 (adaptado).

As práticas e os usos das muralhas sofreram importantes mudanças no final da Idade Média, quando elas assumiram a função de pontos de passagem ou pórticos. Este processo está diretamente relacionado com

a) o crescimento das atividades comerciais e urbanas.
b) a migração de camponeses e artesãos.
c) a expansão dos parques industriais e fabris.
d) o aumento do número de castelos e feudos.
e) a contenção das epidemias e doenças.

Confira a resolução 😉

Resposta: A

Habilidade: Analisar diferentes processos de produção ou circulação de riquezas e suas implicações sócio-espaciais.

Comentários: Originalmente, as muralhas dos burgos medievais destinavam-se a sua defesa contra ataques externos. Com o fortalecimento do poder real e o aumento da segurança, no fim da Idade Média, as muralhas passaram a ser usadas para controlar a circulação de mercadorias. leia o resumo sobre a Crise de Feudalismo.