No livro O Filho do Holocausto-Memórias (1941-1958), de Jorge Mautner, o leitor terá a sensação de estar diante de um álbum de fotografias, cujas imagens se transformam em movimento e descrevem, o Rio das décadas de 1940 e 1950 e depois a capital São Paulo dos anos 50 em diante.

Livro-Filho-Holocausto

>> Compre na Livraria Saraiva (R$ 41,90)
>> Compre na Loja Submarino (R$ 41,90)

O livro foi lançado em 2006 e contém 189 páginas. Ao ler, você vai conferir

  • O violinista, compositor, filósofo e escritor Jorge Mautner não vivenciou os horrores da Segunda Guerra Mundial na Europa. Mas como filho de pai judeu e mãe católica, ambos vienenses, ele tem muito para contar por que se considera um filho do Holocausto.
  • Em 1939 seus pais fugiram da Áustria. Ainda permaneceram um período na Itália fascista, acolhidos pelo Vaticano, depois foram para Portugal e finalmente para o Brasil, a bordo do famoso navio Serpa Pinto.
  • Deixaram uma filha de 12 anos na Inglaterra, com parentes, mas a mãe, viajou grávida de Henrique George Mautner que veio a nascer no Rio de Janeiro em 17 de janeiro de 1941.
  • O narrador é Jorge Mautner e os personagens em torno do memorialista, transbordam de afeto, cultura, inteligência, liberalismo e solidariedade. São eles: o pai, a mãe, o padrasto e os inúmeros amigos que Jorge Mautner vêm conquistando desde quando nasceu, como um filho do Holocausto.